Ginecologia
Anticoncepção e Planejamento Familiar
Quando chega o momento de definir ou mudar o método contraceptivo, é comum que a dúvida surja para a maioria das mulheres, afinal, são várias as opções disponibilizadas pela medicina – entre as quais se destacam as pílulas anticoncepcionais; os injetáveis e adesivos transdérmicos; o anel vaginal; o preservativo e a

Colocação de DIU (dispositivo intrauterino)

. Para sanar todas as dúvidas e receber a melhor orientação acerca da escolha, é fundamental buscar um ginecologista com vasta experiência em anticoncepção e planejamento familiar.

Isto porque, para ser efetiva, a contracepção deve respeitar as características individuais de cada organismo e, sobretudo, o histórico clínico e reprodutivo da paciente. Portanto, independente da fase em que a mulher se encontra, somente um ginecologista experiente saberá indicar a opção mais adequada após considerar os devidos critérios de elegibilidade, tais como: idade, número de gestações anteriores, tabagismo e a presença de comorbidades como a hipertensão arterial e o diabetes mellitus.

Na Clínica Lividi, você conta com uma equipe com o comando da Dra. Mariane Maeda, médica ginecologista formada pela Faculdade de Medicina de São Paulo (USP) e autora de uma série de artigos científicos, publicados em revistas nacionais e internacionais. Trata-se de uma profissional especializada em várias subáreas da ginecologia e obstetrícia - incluindo anticoncepção e planejamento familiar -, apta a indicar os melhores métodos contraceptivos para mulheres das mais diversas idades.

Além das prescrições de anticoncepcionais orais, injetáveis e orientações sobre os métodos não-hormonais, é possível realizar a inserção intra-uterina do

DIU

(dispositivo intra-uterino) - uma opção que pode ser indicada tanto para mulheres que buscam um método seguro e eficaz de prevenção à gravidez indesejada quanto para o tratamento de algumas doenças que cursam com sangramento excessivo.
Dra. Mariane Maeda
Dra. Mariane Maeda
Médica formada pela Faculdade de Medicina de São Paulo (USP). Fez residência médica no Hospital das Clínicas (HC-FMUSP), aonde atua como médica assistente ...
Atualmente, a medicina ginecológica dispõe de duas opções de

DIU medicado

: o dispositivo de cobre e o dispositivo hormonal, ambos com segurança comprovada cientificamente e com duração variável entre cinco e dez anos. A ação contraceptiva do DIU de cobre ocorre pelo efeito inflamatório provocado pelos sais de cobre, que interferem na migração dos espermatozoides, na fertilização dos óvulos e na receptividade do endométrio. Já o outro DIU, teria uma ação hormonal local, levando à atrofia do endométrio e ao espessamento do muco cervical, criando uma barreira à ação espermática.

A nossa equipe conta com profissionais experientes na colocação do DIU, que pode ser realizada na própria Clínica. Nos casos em que há alguma dificuldade técnica ou visando o maior conforto da paciente, pode-se realizar o procedimento sob ação de anestésico em ambiente hospitalar.

Entre em contato e agende sua consulta no bairro de Perdizes, em São Paulo, em um espaço moderno e bem localizado.

OUTRAS ÁREAS EM GINECOLOGIA