Obstetrícia
Restrição de crescimento Fetal
Quando os exames ultrassonográficos detectam que o crescimento do feto está abaixo do esperado para a idade gestacional, tem-se então um quadro clínico definido como

Restrição de Crescimento Fetal

. Trata-se de uma das principais causas da morbidade e mortalidade perinatal e, por isso, deve ser diagnosticada precocemente por um médico obstetra, que indicará as melhores intervenções clínicas para evitar complicações na saúde do bebê tanto durante a gestação, quanto no momento do parto.

As etiologias da restrição do crescimento fetal - ou seja, as circunstâncias que originam tal condição - variam desde alterações genéticas, cromossômicas e malformações, até o uso de medicamentos e ocorrência de infecções no organismo materno. O problema ainda pode ser de origem placentária ou nutricional, conforme prevê a literatura obstétrica.

Para diagnosticar, tratar e garantir a saúde da mamãe e do bebê, a Clínica Lividi dispõe de uma equipe de obstetrícia coordenada pela Dr. Mariane Maeda - médica ginecologista e obstetra que atua nos principais Hospitais de São Paulo como Hospital Israelita Albert Einstein, Pro Matre e São Luiz. Assim, as gestantes que procuram pelo

Tratamento para Crescimento Fetal

podem contar a vasta experiência de profissionais renomados em São Paulo.
Dra. Mariane Maeda
Dra. Mariane Maeda
Médica formada pela Faculdade de Medicina de São Paulo (USP). Fez residência médica no Hospital das Clínicas (HC-FMUSP), aonde atua como médica assistente ...
Se comprovada a restrição do crescimento fetal, a obstetra da Lividi iniciará uma investigação clínica por meio de ultrassonografia morfológica e ecocardiografia fetal, com o objetivo de descobrir a etiologia do problema. Nos casos associados a doenças maternas como hipertensão arterial e diabetes mellitus, será priorizado um tratamento para melhora das condições de saúde da mãe, que deverá seguir medidas comportamentais específicas e, dependendo do quadro, aderir ao uso de alguns medicamentos em sua rotina.

Além do acompanhamento pré-natal habitual, as gestantes diagnosticadas com a restrição de crescimento fetal devem realizar consultas seriadas com a obstetra, de modo a permitir o monitoramento da recuperação do feto, bem como a definição do melhor momento para o parto.

Se você deseja solicitar mais informações sobre o tratamento para crescimento fetal, entre em contato conosco. Teremos imenso prazer em atender-lhe e marcar sua consulta no dia e horário que melhor se adequam à sua agenda.

OUTRAS ÁREAS EM OBSTETRÍCIA