Otorrinolaringologia
Adenoidectomia
Um dos procedimentos mais frequentes na área de otorrinolaringologia é a chamada

Adenoidectomia

, que consiste na remoção da Adenoide: uma estrutura localizada ao redor das cavidades nasais e orais, formando junto com outras glândulas o Anel Linfático de Waldeyer que protege todas as entradas dos tubos respiratórios.

Normalmente a Adenoide aumenta de tamanho quando há algum estímulo antigênico, isto é, quando o organismo é infectado por vírus, bactéria, irritação ou alergia. Quase sempre, as amígdalas também aumentam de tamanho, sendo este um episódio comum principalmente na infância. Entretanto, se tais sintomas são recorrentes pode haver uma redução significativa na qualidade de vida do paciente.

Uma das consequências mais prejudiciais é a respiração bucal. Vários problemas podem surgir a partir disso, como alterações da arcada dentária, baixo desenvolvimento facial e dos seios da face, portanto a remoção da Adenoide é indicada para evitar tais complicações.

A Adenoidectomia pode ser recomendada ainda para o tratamento da apneia do sono em crianças. O aumento da adenoide favorece a garganta obstruída quando a criança se deita - situação que atrapalha o sono e prejudica o seu desenvolvimento tanto físico como mental. Há também o risco de que a criança sofra com cefaleia matinal, hipersonolência diurna e enurese noturna.
Dr. Fausto Nakandakari Dra. Milene Massucci Bissoli

Dr. Fausto Nakandakari Otorrinolaringologista formado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) e com residência médica ...

A Clínica Lividi apresenta aos pacientes que precisam realizar a

Adenoidectomia SP

com uma equipe de otorrinos para tratar da melhor forma possível as disfunções da Adenoide. Normalmente, no mesmo procedimento de remoção da adenoide, as amigdalas também são retiradas, evitando assim a necessidade de futuras cirurgias nas vias respiratórias. Ambas, são realizadas através da cavidade bucal ou nasal, sem cortes externos. Entretanto, é preciso que haja anestesia geral e alguns cuidados pré-operatórios, como jejum e suspensão de medicamentos específicos.

O pós-operatório pode ser moderadamente doloroso se algumas precauções não forem tomadas. A equipe médica da Lividi recomenda que os pacientes se alimentem com uma dieta fria, líquida e pastosa, excluindo sucos cítricos durante as 72 horas após o procedimento. Além disso, o repouso é indicado durante, pelo menos, 7 dias.

Entre em contato conosco e esclareça suas dúvidas. Disponibilizamos canais práticos de atendimento como WhatsApp, e-mail e telefone, além de estarmos sempre à disposição no bairro Perdizes, São Paulo.

OUTRAS ÁREAS EM OTORRINO